Notícias
Informações do que está acontecendo no mundo.

Como Olavo de Carvalho influenciou radicalização bolsonarista que levou ao 8 de janeiro

0


  • Shin Suzuki
  • Da BBC News Brasil em São Paulo

O filósofo Olavo de Carvalho, morto em 2022

Crédito, João Fellet/BBC

Legenda da foto,

Discursos e entrevistas de Olavo de Carvalho, morto em 2022, seguem em alta circulação nas redes sociais

“Me diga o seguinte: quantos grêmios de faculdade vocês tomaram? Nenhum. Quantas redações de jornal vocês tomaram? Nenhuma. Quantos sindicatos vocês tomaram? Nenhum. Quantas igrejas de teologia de libertação vocês tomaram? Nenhuma. Em suma, vocês deixaram tudo nas mãos dos comunistas, e tudo está nas mãos deles. E eles fazem o que quiserem. Deu pra entender?”

Falas do escritor Olavo de Carvalho (1947-2022) estimulando ações radicais circularam com frequência em aplicativos de mensagem e redes sociais nos dias anteriores à invasão de Brasília por grupos bolsonaristas.

O trecho acima está em um post do TikTok de duas semanas atrás. O vídeo aparecia como primeiro da lista (indicado na aba “Melhores”) quando se buscava pelo nome do escritor e filósofo. Procurada pela BBC News Brasil, a empresa não comentou.

Outro excerto com a voz de Olavo, que morreu aos 74 anos em janeiro do ano passado, ganhou ainda mais destaque no contexto das cenas de vandalismo e depredação das sedes dos Três Poderes — o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal.

Link da BBC News | Brasil

Síntese
Author: Síntese

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.